Banco islâmico lança fundo para agricultura

Extraído de: anba   Junho 12, 2012

Instituição multilateral com sede na Arábia Saudita criou o fundo para investir na produção de alimentos em países muçulmanos. Capital será de US$ 600 milhões.

São Paulo -O Banco Islâmico de Desenvolvimento (IDB, na sigla em inglês), instituição multilateral de fomento com sede na Arábia Saudita, em parceria com a empresa holandesa de asset management Robeco, lançou nesta segunda-feira (11) um fundo de US$ 600 milhões voltado para alimentação e agricultura, com o objetivo de investir em projetos que promovam o abastecimento constante de alimentos nos países islâmicos. As informações são do site da revista Arabian Business e da saudita International Islamic News Agency.

A Cooperação Islâmica Para o Desenvolvimento do Setor Privado (ICD, na sigla em inglês), braço do IDB, e a Robeco farão a gestão conjunta do fundo. Além dos investimentos, o fundo vai promover o conhecimento nas áreas de alimentação e agricultura nas nações muçulmanas.

"O fundo é a primeira parceria público-privada desta natureza e tamanho a atuar sobre as ineficiências e deteriorações que enfrentam os setores de alimentação e agricultura nos nossos países membros", afirmou Khalid Al-Aboodi, presidente- executivo do ICD, segundo a Arabian Business.

"Aumentando a produção regional de alimentos, sua distribuição e comércio , os investimentos do fundo também levarão à criação de empregos, transferência de tecnologia , promoção de práticas sustentáveis e redução da pobreza", acrescentou o executivo.

Os US$ 600 milhões do fundo devem ser levantados de investidores governamentais, multilaterais e institucionais ao redor do mundo. Os gestores esperam arrecadar US$ 350 milhões até o final deste ano para iniciar as operações, que terão duração de dez anos.

Autor: Da redação


 
 
Deixe seu comentário



Siga o Ecofinanças